ICDF- Instituto de Cardiologia do Distrito Federal FUC- Fundação Universitária de Cardiologia
(61) 3403-5400
Marcação de Consultas/Exames
Tel: 0800-644-1044

Dia 28 de julho comemora-se o Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais, mas o que é hepatite? Existem hepatites que não são virais? 

Hepatite é uma inflamação do fígado, que pode ser causada por agentes infecciosos (como os vírus da hepatite B e C), agentes tóxicos (álcool, alguns medicamentos, chás e suplementos), autoimunidade (quando o próprio organismo agride o fígado), ou estar associada a hábitos de vida (como a esteatose hepática = gordura no fígado, que tem relação com aumento de peso, diabetes, alimentação desequilibrada e vida sedentária), entre outros. Independente da causa, a doença pode evoluir para cirrose hepática, especialmente se não for tratada.

Todo mundo que tem hepatite precisa de transplante? Não. O transplante de fígado geralmente está indicado quando o funcionamento do fígado está prejudicado, ou quando ocorre aparecimento de tumor no fígado.

Em relação às hepatites virais, especialmente as relacionadas à infecção pelos vírus da hepatite B ou C, destacamos que prevenir é o melhor remédio! A transmissão ocorre por sangue e outros fluidos corporais contaminados, e existe o risco de infecção durante relações sexuais não protegidas, compartilhamento de agulhas durante uso de drogas, compartilhamento de alicates de unha e lâminas de barbear, piercings e tatuagens não realizados de forma adequada. Felizmente, a transmissão durante procedimentos médicos e odontológicos é cada vez mais rara, devido ao uso de técnicas corretas de assepsia/antissepsia e pesquisa de infecções antes de transfusões e transplantes.

Não se esqueça! Tanto a hepatite B quanto a hepatite C tem tratamento pelo Sistema Único de Saúde. Procure seu médico e se informe!

Programa de transplante Hepático do ICDF

O programa de transplante hepático no ICDF iniciou os atendimentos no ano de 2012 desde então 376 pacientes foram realizaram o procedimento sendo 38 somente no primeiro semestre deste ano (2018).

Aproximadamente 29% dos pacientes que realizaram transplante de fígado no ICDF, ou seja, 113 pessoas estavam acometidos de hepatite viral. Outro resultado interessante é que 27%, ou seja, 104 pacientes apresentaram problemas no fígado por conta do consumo excessivo de álcool; e 44% por outras causas.

É importante lembrar que o transplante de fígado é indicado somente para pacientes com doença hepática crônica ou aguda progressiva, e irreversível, sem possibilidade de terapêutica convencional. Os pacientes que preenchem esses critérios e desejam ser acompanhados pelo transplante no ICDF podem solicitar o agendamento de uma consulta pelo telefone 61. 3403- 5482 das 8h às 17h ou enviar o correio eletrônico para: transplanteicdf@icdf.org.br